Qual o melhor petisco para o meu cachorro?

Que amigão não gosta de comer um petisco para cães? Principalmente aqueles com sabor de carne ou frango? Todos! Mas existe uma infinidade de petiscos por aí, qual escolher? Qual é o melhor para o meu cãozinho?

Os melhores são sempre os petiscos naturais, como legumes e frutas não cítricas! As pessoas partem do princípio de que cães não gostam de frutas e legumes, mas eles gostam! E também podem aprender a gostar, se incentivados pelo dono, porque faz muito bem a saúde. Ingredientes como cenoura, maçã, pera, goiaba, beterraba podem e devem ser oferecidos aos pequenos.

Os industrializados fazem sucesso também, claro. Mas devem ser oferecidos aqueles petiscos próprios para cães, como biscoitos – que ajudam a limpar os dentes –, ossinhos de couro sem corantes – também ajudam a limpar os dentes, filezinhos e outros petiscos secos. Os sachês com carne e outros ingredientes são opções para a refeição, por serem bem mais calóricos.

Existem até mesmo os petiscos para brincadeiras e adestramentos de cães. Em forma de disco ou os pequenos de texturas macias, cheirosos que eles comem rápido e querem comer mais. Assim, vão realizar os truques solicitados. Os adestradores usam muito.

Não existe uma ração para todos os cães, assim como não existem petiscos universais. Vai do paladar do seu cão e se o fabricante indica pra ele, como idade, peso, etc.

Verifique sempre atrás da embalagem as informações nutricionais dos petiscos e os seus ingredientes. Se o seu filhote manifestar alguma reação alérgica ou rejeição ao petisco, fique de olho, pode ser algum componente da fórmula. Evite repetir a dose e leve a embalagem para o seu médico-veterinário de confiança e peça uma orientação. É sempre recomendável pedir sugestões de petiscos a um profissional.

Dois avisos importantes: evitem dar os nossos filhos de quatro patas alimentos que nós adoramos, como chocolate, biscoitos recheados, pães, frituras, etc. É importante lembrar sempre de olhar a procedência e qualidade dos petiscos. Observe se nas embalagens contém o carimbo do ‘sif’ (Serviço de Inspeção Federal).

Qual a quantidade ideal de petiscos para o meu cachorro?

Os petiscos devem ser dados como um lanche da manhã e da tarde. Não mais do que isso para não prejudicar o apetite do seu cãozinho na hora das refeições principais. Variar o tipo de petisco também é uma boa opção, nem você ia aguentar comer sempre o mesmo biscoito.

E se toda essa conversa deu fome, que tal um petisco pra você e seu melhor amigo?

PET DO MÊS

Ninna
Confira a nossa estrela do mês!
Veja todos

LATIDOS